Como calcular preço de venda de um produto ou serviço?

como calcular preço de venda
grafismo-right
compartilhar
30 de novembro de 2022

Na hora de montar o seu negócio, ou até mesmo adicionar um novo item na cartela de vendas, a maior dúvida sempre é como calcular preço de venda

Encontrar o balanço perfeito entre o lucro e o preço ideal para o cliente é desafiador, mas não impossível. 

Para saber como precificar o seu produto, você deve primeiro entender alguns conceitos, como os tipos de custo. Reunimos tudo neste artigo, continue lendo!

O que é preço de venda?

O preço de venda é o que você cobra do comprador, o valor final do produto ou serviço. 

Esse preço envolve uma série de fatores, como o custo de produção, despesas logísticas e, claro, a margem de lucro. 

Por isso pode ser considerado um dos valores mais importantes de um negócio, pois afeta o faturamento final da empresa. 

Mas não se preocupe! Vamos mostrar como calcular preço de venda ideal de cada produto, veja o que considerar.

O que são os custos?

Custo é aquilo que você gasta para produzir, seja uma ou várias unidades do item. Ele representa o quanto foi gasto em material e mão de obra. 

É importante saber o custo individual de cada peça, assim será possível calcular o preço de venda justo conforme o que é gasto para produzir.

O que são as despesas?

Muitas pessoas acreditam que despesas e custos são a mesma coisa, mas não é bem assim que funciona. 

Os custos se referem ao que foi gasto para produzir cada item, matéria-prima, maquinário, etc.

Já a despesa representa o que é gasto para manter o negócio, como o salário de funcionários, aluguel de espaços, contas, impostos, marketing e outros gastos. 

É importante calcular isso, pois é o que mantém o negócio de pé. Sem as despesas não é possível produzir.

E o lucro? O que é?

O lucro é o valor que a empresa ganha com a venda, após retirar os custos e despesas do que foi recebido. 

Afinal, uma empresa não deve se satisfazer somente em cobrir os custos e despesas – o lucro é o que permite crescimento do negócio. 

Cada empresa tem uma margem de lucro, esse não é um número exato, depende de fatores como o valor dos produtos concorrentes, por exemplo. 

Como calcular o custo de um produto?

Dos fatores que citamos, o custo é o mais importante, pois o preço de venda não pode ser menor que ele de forma alguma. 

Para calcular melhor, você deve conhecer os tipos de custo. Sim, existe mais de um!

Entenda mais sobre cada categoria comum em empreendimentos. 

CD (Custos Diretos)

Os custos diretos são os mais básicos, como o de mão de obra, maquinário e material. 

São, de forma simples, o que é indispensável para a produção do item. 

CI (Custos Indiretos)

Os custos indiretos são o que chamamos de despesas. Contas de consumo, aluguel do espaço, salário, segurança…

Pode ser mais complicado calcular esse tipo de custo por item, a dica é dividir pela quantidade de produção do período. 

CF (Custos Fixos)

Os custos fixos são aqueles que chegam todo mês e mantêm um valor sempre similar. Ou seja: contas, impostos, salários, etc.

Esse tipo se mistura com os CI, mas ainda assim é importante mapeá-los para o planejamento financeiro.

CV (Custos Variáveis)

Por fim, os custos variáveis são os que mudam ao longo do tempo, com mais frequência. 

Como exemplo, podemos citar a matéria-prima, que é a primeira a ser afetada quando a inflação sobe. 

Como definir a margem de lucro?

O lucro, como dissemos, vai depender de cada empresa e não existe um número ideal. 

A margem de lucro deve ser incluída no preço final de venda, pois é com esse valor que será possível investir na empresa. 

Vamos ao exemplo:

Se o produto custa R$200 para o cliente final, e supondo que o custo total de produção é R$100, o lucro foi de R$100.

Nesse caso, o percentual é 50% de margem de lucro – um valor alto para uma empresa. 

Defina qual a porcentagem que sua empresa almeja e assim conseguirá escolher um bom preço para cada item. 

Concorrência x margem de lucro

Uma boa prática para definir a margem de lucro é estudar o que os concorrentes andam fazendo. 

Se a maioria deles obtém um lucro de 30%, por exemplo, tente manter o seu preço na mesma média. 

Isso porque os clientes vão, quase sempre, escolher o melhor preço, então não adianta ter uma margem altíssima e zero vendas. 

Como calcular preço de venda de um produto?

Agora que você já entende o que deve ser incluído no valor final de um produto, vamos ao cálculo para entender de vez como calcular preço de venda.

A forma mais simples é somar os outros fatores com a margem de lucro. Por exemplo:

Custos e despesas por item = R$30

Margem de lucro esperada = 50%

50% de 30 é 15, portanto o preço final deve ser R$45!

Posso escolher qualquer preço de venda?

Não, o preço deve refletir os custos e o lucro desejado. Só assim vale a pena para a empresa. 

Se você colocar qualquer preço pode ficar sem faturar ou sem vender, de toda forma terá prejuízo.

Americanas Entrega

Não precisa mais se perguntar como calcular preço de venda. Enquanto você cuida das finanças da sua empresa, conte conosco para lidar com a logística e o envio dos seus produtos!

Conheça os serviços da Americanas Entrega e nos acompanhe nas redes sociais para saber como podemos te ajudar. 

compartilhar
americanas-logo-reduzido

Por favor, acesse o atendimento corporativo através do seu computador.

Clique no botão abaixo para acessar o painel com seu login e senha.

Rastreie agora sua encomenda