Como montar um e-commerce em 12 passos

como montar um e-commerce
grafismo-right
compartilhar
3 de janeiro de 2023

Investir em um e-commerce é uma das melhores escolhas para quem quer trabalhar com varejo. Mas para começar, você deve saber como montar um e-commerce.

Além da praticidade de vender online, com otimização de estoque e redução de custos, o setor de vendas pela internet está em grande expansão, sendo o meio favorito dos consumidores.

Se você quer começar a vender online, não deixe de anotar as dicas que daremos nesse artigo, incluindo o passo a passo de como montar um e-commerce. Continue a leitura!

O que é um e-commerce?

Chamamos de e-commerce as lojas virtuais. Ou seja, empresas que realizam vendas, dos mais variados tipos de produtos e serviços pela internet. 

O e-commerce pode ser em uma plataforma própria, em marketplace, redes sociais, ou com a ajuda de sites especializados em criar e-commerces.

Ao escolher vender online você pode, inclusive, utilizar mais de um canal para oferecer os seus produtos.

Com isso, é possível atingir ainda mais potenciais clientes, estando presente exatamente onde eles podem ser encontrados.

O que é preciso para montar um e-commerce?

Começar um negócio nunca é fácil, mas ao escolher o e-commerce como seu canal principal de vendas, pode facilitar alguns processos.

O empreendedorismo digital está mais forte do que nunca. Seja para começar um negócio exclusivamente digital, ou para criar um novo canal de vendas para além da loja física, escolher onde vender é muito importante.

Com isso, muitos empreendedores podem ficar em dúvida entre ter uma loja própria, ou vender por marketplace. Explicamos a seguir como funcionam esses dois canais:

Marketplace

O marketplace é a oportunidade perfeita para quem quer expor seus produtos para mais pessoas, com a otimização dos processos de logística e a credibilidade de uma grande empresa.

Ao vender em marketplace, você garante mais segurança e praticidade para a sua loja, enquanto conta com a confiança dos seus clientes em uma empresa conhecida.

Como exemplo de marketplace, podemos citar a Americanas, Shoptime e o Submarino, e-commerces que fazem parte do Americanas Marketplace.

Ao ser um parceiro Americanas Marketplace, a sua loja pode vender por esses três e-commerces, gigantes do mercado digital e de ótima reputação entre os consumidores.

Parceiros Americanas também contam com soluções exclusivas em logística e atendimento pós-venda. 

Loja virtual própria

A loja virtual própria também pode ser uma ótima escolha para a sua empresa, mas é recomendada para lojistas de maior porte.

Isso porque a loja virtual própria inclui custos e conhecimentos mais específicos, como hospedagem do site, domínio próprio, integração com gateways de pagamento e ERPS de controle de estoque e logística. 

Se a sua marca ainda não é de grande porte, ou não é tão conhecida online, unir a loja própria com o marketplace pode ser a solução para aumentar o alcance de novos clientes e otimizar os custos operacionais.

Qual a melhor plataforma de e-commerce?

A melhor plataforma para e-commerce é aquela que oferece os recursos e suporte que a sua empresa precisa.

Sendo assim, entre escolher vender por marketplace, loja própria ou por redes sociais, considere:

  • Custos operacionais;
  • Suporte para atendimento pós-venda;
  • Facilitadores dos processos logísticos;
  • Compatibilidade com o porte da sua empresa.

Passo a passo: como montar um e-commerce do zero

Montar um novo negócio, totalmente do zero, é um grande desafio para quem quer empreender.

Com o e-commerce, algumas etapas podem ser simplificadas, mas precisam de muita atenção para que o fluxo funcione corretamente e a sua loja consiga atender às demandas.

Para te orientar sobre esses processos, sintetizamos o passo a passo de abertura de um e-commerce em 12 passos indispensáveis. 

1. Defina seus produtos e público

Estudar o mercado é o primeiro passo para criar um novo negócio. Por isso, estude bem os produtos que você irá oferecer, como a sua concorrência trabalha com eles no digital e defina quem é o seu público-alvo.

Com isso, você terá dados essenciais para encontrar oportunidades de se destacar da concorrência e realizar as suas primeiras vendas.

2. Faça um plano de negócios

O planejamento é essencial em muitas coisas da vida. Ao empreender, não é diferente.

O plano de negócios é um planejamento pensado para o seu e-commerce. Com ele, você deverá definir objetivos, prazos e como o seu orçamento será previsto para suprir as necessidades da empresa.

O plano de negócios também é complementar a outros processos da abertura da empresa, como a pesquisa de mercado, pesquisa de marketing e a mensuração de resultados.

3. Escolha a plataforma

Tudo pronto? É hora de escolher a melhor localização do seu negócio. Se no mercado presencial é importante ter um bom ponto de venda, na internet isso não é diferente.

Como já comentamos sobre as possibilidades de escolher entre lojas virtuais próprias, redes sociais e marketplaces, você já tem as informações que precisa para tomar a sua decisão.

Então considere os prós e contras de cada escolha e como você pode combinar as opções para otimizar a presença digital da sua empresa.

4. Faça a precificação dos produtos

A precificação dos produtos garante não só o lucro da sua loja, mas também uma relação de custo-benefício com a sua clientela.

Existem diversas formas de precificação, considerando os seus custos operacionais, média de mercado e expectativa da clientela.

Se for um produto que é novidade no mercado, vale se basear em modelos de negócios similares ao seu. Com a pesquisa de mercado, será mais fácil encontrar a precificação ideal.

5. Cadastre todos os produtos

Tudo ok com o planejamento e cadastro na plataforma escolhida para o seu e-commerce? Chegamos, então, ao momento de cadastro dos produtos.

Insira as informações de cada produto, bem como fotos e especificações técnicas que ajudaram os seus clientes a terem uma expectativa realista sobre o que receberão.

Lembre-se também que a plataforma precisa conectar as informações dos produtos ao seu estoque, garantindo que você terá o produto no tempo informado para envio.

Mas explicaremos melhor sobre isso alguns passos a frente. 

6. Escolha os gateways de pagamento

Você já tem a plataforma, produtos e a precificação, mas precisa receber pelos produtos, é claro.

Os gateways de pagamento são os serviços parceiros para pagamento, que podem incluir pagamentos por PIX, boleto, cartão de crédito, débito ou uma carteira digital.  A Americanas Entrega, por exemplo, trabalha com a Ame Digital.

Dependendo dos gateways escolhidos, você também poderá oferecer pagamento por carteiras digitais exclusivas. 

Como cada empresa de pagamento tem condições e taxas diferenciadas, escolha aquela que oferece o melhor custo-benefício para o seu negócio, além das melhores opções de pagamento para os seus clientes.

7. Estude a logística e o frete

Os produtos vendidos por e-commerce são diferenciados pelo seu método de entrega. Atualmente, as lojas virtuais contam com diferentes modelos de entrega, oferecendo mais praticidade aos seus clientes.

Os parceiros da Americanas Marketplace contam com as principais soluções da Americanas Entrega, incluindo a retirada na loja, frete expresso no mesmo dia e entrega agendada.

Já e-commerces de maior porte também podem contar com os serviços Americanas Entrega, incluindo a gestão de estoque, armazenamento e opções de frete exclusivas.

Confie em quem tem uma das maiores frotas eco-sustentáveis da América Latina e é referência em qualidade e praticidade logística!

8. Verifique o fluxo de checkout

O fluxo de checkout é uma das etapas mais importantes de uma venda online. 

O seu cliente já escolheu o produto, viu o valor que irá pagar e está nos últimos passos para efetuar o pagamento e escolher o método de entrega.

Por isso, o checkout deve ser simples e intuitivo, com poucas telas e informações muito bem detalhadas.

Ao vender em marketplace, você terá a tela padrão do sistema. Mas, se decidir por desenvolver uma loja própria, não deixe de dar total atenção ao desenvolvimento do fluxo de checkout.

9. Use sistemas ERP

Chamamos de ERP os sistemas integrados de gestão empresarial. Ao montar um e-commerce, os ERPs são indispensáveis para a gestão do seu negócio.

Isso porque é com os ERPs que você fará conexões entre os sistemas de gestão, como o controle de estoque automatizado, conexão com o sistema de entregas (da transportadora ou dos Correios), gateways de pagamentos, entre outros recursos.

Ao trabalhar com vendas online, a praticidade e agilidade são fundamentais para o sucesso do seu negócio, sem abrir mão da qualidade.

Tudo isso fica muito mais fácil ao integrar os sistemas por meio de ERPs.

10. Tenha um bom pós-venda

O pós-venda é, hoje, um dos pontos mais importantes para a estratégia de vendas de uma loja virtual.

Atrair novos consumidores é um ótimo objetivo, mas fidelizar os seus clientes é muito mais importante (e difícil, também).

Por isso, comece o seu negócio já com uma boa estratégia de pós-vendas. Conte com uma equipe capacitada para atender aos seus clientes em dúvidas e feedbacks sobre a experiência de compra.

11. Planeje o marketing da loja

As estratégias de marketing, principalmente de marketing digital, são indispensáveis para qualquer modelo de negócio no varejo.

Quando falamos em e-commerce, essa necessidade é ainda mais urgente. Por isso, invista em estratégias de lançamento da loja, bem como de divulgação a médio e longo prazo.

Produção de conteúdo, redes sociais e anúncios pagos são algumas das alternativas que a sua empresa pode começar a investir desde o momento de abertura.

12. Mensure seus resultados

Por fim, mas não menos importante: não deixe de mensurar os seus resultados.

O acompanhamento de objetivos e resultados é muito importante para saber quais são os próximos passos da sua empresa, bem como entender o comportamento dos seus clientes, encontrar oportunidades de crescimento e muito mais.

Defina os seus objetivos, ou KPIs, e acompanhe essas métricas, com prazos pré-definidos para essas mensurações.

Com esses dados em ordem, será muito mais fácil gerir o seu negócio virtual.

Vantagens de ter uma loja online

As principais vantagens de empreender em uma loja virtual estão na praticidade de começar um novo negócio e atender às necessidades específicas do seu público-alvo.

Entre outros pontos, podemos argumentar que você terá vantagens ao vender online porque:

  • A sua loja estará disponível 24h;
  • Os seus clientes já consome de outras lojas virtuais;
  • O e-commerce pode ser o principal, ou um canal auxiliar de vendas para a sua loja;
  • O setor de vendas online está em larga expansão na America Latina;
  • Você poderá vender para pessoas que vão além da localização geográfica da sua loja, podendo ser para outros estados, ou até mesmo para outros países.

Esses são apenas alguns dos benefícios de quem escolhe empreender em e-commerce. 

Já para investir em ser um parceiro em marketplace, não podemos deixar de citar que o seu negócio contará com:

  • Mix de produtos: seus clientes poderão comprar, em um único carrinho, produtos de outros fornecedores, otimizando os custos de envio e pagamento. É mais praticidade para os seus clientes e não afeta as suas vendas;
  • Investimento: o investimento é muito baixo, sendo de apenas uma taxa sobre as vendas realizadas pela plataforma. Sem preocupações com hospedagem, domínio ou outras burocracias;
  • Visibilidade: o marketplace funciona como uma vitrine digital, expondo os seus produtos para milhões de usuários, todos os dias, 24h;
  • Operação logística: parceiros marketplace também contam com benefícios exclusivos em logística, como acontece com a Americanas Marketplace e Americanas Entrega;
  • Segurança: os sites de marketplace são gerenciados por grandes empresas, oferecendo mais segurança na compra dos seus clientes e no seu recebimento pelas vendas;
  • Entre muitos outros benefícios!

Americanas Entrega, a solução logística para o seu e-commerce

A Americanas Entrega é referência em qualidade e praticidade nas operações logísticas de lojas virtuais.

Conte conosco para garantir o melhor serviço de entregas aos seus clientes. Conheça nossos serviços e seja um parceiro Americanas!

Americanas Entrega, a entrega perfeita para o seu negócio, em qualquer lugar!

compartilhar
americanas-logo-reduzido

Por favor, acesse o atendimento corporativo através do seu computador.

Clique no botão abaixo para acessar o painel com seu login e senha.

Rastreie agora sua encomenda