Aumentar o lucro utilizando redução de custos do seu negócio

redução de custos
grafismo-right
compartilhar
13 de dezembro de 2022

Todo empreendimento tem custos, mas isso não significa que eles não podem ser reduzidos. 

Alguns são fixos, como o aluguel, mas existem muitas partes de um negócio que afetam os gastos e podem ser otimizadas. 

Para isso, você deve entender o que aumenta os gastos da sua empresa, além das diferenças entre os tipos de despesas. 

Continue lendo para saber como aplicar a redução de custos no seu negócio!

Desafios na redução de custos do seu negócio e de empreender

Seja você um empreendedor recente ou experiente, provavelmente já percebeu que cuidar de um negócio tem altos e baixos. 

Assim como a redução de custos, que também possui desafios. No entanto, nada que um bom planejamento não consiga resolver. 

Problemas com logística, compra de materiais e outros pontos são comuns – mas para resolvê-los você deve, primeiro, entender cada gasto. 

Por que a redução de custos é importante?

Reduzir os custos de funcionamento é essencial para manter um bom fluxo de caixa, fazendo com que os lucros superem os gastos. 

Investir tempo em analisar os processos e entender como melhorá-los para reduzir custos libera mais tempo e recursos para investir no desenvolvimento da empresa!

Entenda as diferenças entre custos e despesas

Sabia que custos e despesas não tratam da mesma coisa? São termos similares, mas que representam pontos distintos no orçamento. 

Se você não entende o que muda entre os conceitos, será difícil identificar o que deve ser mudado para a redução de custos. 

Reunimos as principais características de cada termo, acompanhe. 

O que são custos?

Os custos incluem tudo o que é gasto ao investir nos produtos e serviços da empresa, ou seja, aquilo que é usado efetivamente na produção.

Alguns exemplos são a compra de matéria-prima, embalagens, manutenção, gastos com fabricação e afins. 

O que são despesas?

As despesas são relacionadas à administração, não são os gastos com produção, e sim os organizacionais.

Por exemplo, algumas despesas são as contas de consumo, aluguel do espaço, materiais de escritório, marketing, etc. 

O gasto com mão de obra se encaixa em custo, pois os funcionários são essenciais e devem ser pagos mensalmente mesmo que a carga de trabalho seja menor. 

Gastos fixos e variáveis

Nos dois conceitos, existem os gastos fixos e variáveis. Cada um representa um tipo de cobrança ou conta. 

Fixos: são os gastos que não mudam mês a mês, independente do quanto é vendido. Um exemplo é o aluguel, com valor exato e não muda conforme as vendas. 

Variáveis: como esperado, os gastos variáveis são os que têm relação direta com a produção e as vendas de cada mês. Ou seja, eles flutuam com o tempo, como é o caso da conta de energia. 

Como fazer uma redução de custos?

Reduzir os custos é sempre uma boa ideia, afinal, o valor excedente poderá ser usado para investir no crescimento da empresa. 

Alguns passos são essenciais para não apenas reduzir, mas, manter os gastos baixos. Veja. 

Faça um planejamento de todos os custos e uma média de gastos

A primeira (e principal) ação que deve ser tomada é a organização dos gastos mensais da empresa. 

Para isso, anote todos os custos e despesas, fixas e variáveis, e faça também uma média do quanto custa para manter o negócio. 

Entenda quais custos fixos podem ser cortados

Depois de organizar, é hora do “pente fino”, quando você vai analisar todos os custos e definir o que pode ser cortado ou reduzido. 

Pense em um material que pode ser comprado em outro fornecedor mais barato, gastos operacionais desnecessários, formas de otimizar o consumo da energia… as decisões vão depender de cada empresa.

Contrate as pessoas certas

O profissional certo vai saber como trabalhar de maneira efetiva, gastando menos material, investindo pouco tempo e evitando retrabalho. 

Um processo de contratação assertivo pode ser o que a empresa precisa para reduzir os custos. 

Melhore a gestão de processos

Os processos, sejam administrativos ou relacionados à produção, sempre têm espaço para otimização. 

Entenda como cada trabalho é feito em cada setor e o que pode ser melhorado para agilizar cada um deles. 

Gerencie o tempo

O ditado se prova verdadeiro: tempo é um bem muito valioso, principalmente quando se trata de um empreendimento.

Uma maneira simples de redução de custos a longo prazo é estudar quanto tempo leva para realizar cada função e buscando formas de diminuir.

Análise os dados do seu negócio para gerar melhores estratégias

Muitos empreendedores subestimam o quanto os dados são importantes para o crescimento, lucro e redução de custos. 

Observe quais são os produtos ou serviços com maior popularidade, e ajuste o investimento neles de acordo com o que analisar.

Entenda como a tecnologia e parceiros podem te ajudar

É fato que o avanço da tecnologia culminou na criação de diversas ferramentas muito úteis para todos os nichos de mercado. 

Não tenha receio de usar os softwares disponíveis, para otimizar os processos do seu negócio. 

Outra ótima ideia é contar com o apoio de serviços como a Americanas Entrega Full, que permite uma flexibilidade e aumento da escala sem precisar investir em equipamentos, mão de obra ou estrutura.

Assim, diminuindo a carga de trabalho dos seus funcionários e permitindo que você foque no realmente importa, vender. 

Americanas Entrega 

Cada empresa tem uma realidade, por isso oferecemos serviços diversos que se encaixam na rotina e nas necessidades de cada mercado. 

Conheça mais sobre cada um deles e conte conosco. A entrega perfeita para o seu negócio, em qualquer lugar!

Acompanhe mais artigos no blog e nos siga nas redes sociais!

compartilhar
americanas-logo-reduzido

Por favor, acesse o atendimento corporativo através do seu computador.

Clique no botão abaixo para acessar o painel com seu login e senha.

Rastreie agora sua encomenda